Vídeos mais curtos serão melhores para a web? O Facebook discorda

Comprimido

http://www.comprimido.pt

A sabedoria convencional dita que um vídeo on-line deve ser breve, mas as mudanças recentes no algoritmo do Facebook para priorização dos vídeos podem fazer com que tenha de repensar o seu próximo vídeo de 30 segundos.

Vídeos mais curtos serão melhores para a web?

O Facebook discorda

Há muito tempo fomos educados que, quando se trata da web, quanto mais curtos forem os vídeos , melhor.

A nível pessoal, eu sempre concordei com esta abordagem, porque penso que, as pessoas não teem tempo para assistir a videos muito longos. Muito menos agora, com toda a quantidade de informação que nos é disponibilizada a todo o momento. Descobri que talvez estivesse mais errado do que eu pensava…

Independentemente disso, há uma escola de pensamento que diz que um video nunca deve ir acima dos dois minutos de duração. De fato, com a ascensão do Instagram, existe agora uma escola de pensamento que diz que os vídeos não devem ter mais de 60 segundos. Mas, no entanto, o Facebook emitiu um decreto para priorizar conteúdo de vídeo no feed de notícias e a mensagem é clara.

“Queremos que os seus vídeos sejam mais longos.”


Siga os anúncios…

A principal razão para isso? Dinheiro.

O Facebook é agora muito mais do que uma plataforma social, abrangendo tanto feeds de notícias, como conteúdos de vídeo de alta qualidade de vários locais.

A forma da maneira Facebook monetizar os vídeos é através de anúncios. Ao contrário do YouTube que geralmente coloca os anúncios no início dos vídeos (e ao longos dos videos), o Facebook está a experimentar deixar os vídeos começarem sem anúncios e executá-los a meio do que estamos a visualizar. E porque os anúncios só aparecem após 90 segundos, há pouco benefício para eles, Facebook, se o vídeo só é de 30 segundos.

A estratégia que o Facebook está a usar, também pode beneficiar a qualidade do vídeo que assistimos. O novo algoritmo dará prioridade à visibilidade de vídeos que são assistidos durante mais tempo. Por outras palavras, se as pessoas começarem a assistir a um vídeo e pararem depois de um ou dois segundos, o vídeo em questão terá uma visibilidade menor do que um vídeo que foi regularmente visto do início ao fim ou uma grande parte dele.


Mas mais longo é melhor?

Essa priorização do conteúdo significa que os usuários do Facebook (ou, pelo menos, teoricamente) iram ver conteúdo de vídeo mais atraente quando ele aparece, e mais conteúdo em profundidade, também.

Para os realizadores, produtores, editores de vídeo e agências de criação de conteúdos para social feeds de empresas/clientes, pode muito bem significar que os vídeos terão de ser muito mais interessantes e atraentes. Isso vai ser bom para a qualidade de vídeo e bom para os clientes, que terão conteúdos mais ricos, mas terão também de confiar mais nos criadores para que as produções sejam mais criativas na sua abordagem.

Comprimido

http://www.comprimido.pt

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

You might also likeclose